Colmeia NewsPara alcançar o sucesso!

VAREJO DE ROUPAS: 3 TENDÊNCIAS QUE VOCÊ DEVERIA LER

Não é novidade para ninguém que cada vez mais as vendas de roupas (e todo tipo de coisas) tem migrado para o universo virtual. E junto com isso, vem mudando também a forma como os consumidores fazem suas compras. Em 2015, o varejo de vestuário no Brasil faturou R$ 130 bilhões, mas com a crise que vivemos e as mudanças que não param de acontecer em nossa sociedade, é bom ficar de olhos abertos para se adaptar ao que é tendência para o mercado nos próximos anos e não perder o rebolado.

 

EXPERIÊNCIA DE COMPRA

Quando nossos pais decidiam comprar alguma coisa, eles se deslocavam até uma loja ou supermecado e decidiam o que comprar dentro do local. Pagavam no caixa, voltavam para casa e pronto. Só que isso tem se tornado coisa do passado. O consumidor atual é impactado das mais diversas formas: redes sociais, avaliações de sites de comparação de preços e produtos, blogs etc. Ou seja, muitas variáveis fazem com que ele decida o que quer e onde quer comprar.

Hoje, alguém que investe no comércio, está investindo na jornada de decisão do consumidor e precisa se adaptar a essa nova realidade. O que fazer? Ter mais de um canal de vendas (loja física, rede social, loja virtual…) e fazer com que eles funcionem bem entre si. Na prática pode ser assim: a cliente vê a foto de uma coleção nova no Instagram, clica no anúncio e vai direto para a loja online, faz suas compras e escolhe a opção de retirar na loja física. Em resumo, os canais de venda precisam estar integrados e oferecer ao cliente uma rede de possibilidades para melhor atendê-lo.

 

FAST FASHION

Tendência global e mantra dos varejistas, significa que produtos novos precisam chegar com frequência e ter mini-coleções dentro de uma estação com preços competitivos. É a fórmula que grandes varejistas de moda têm usado com coleções assinadas por designers e lojas mais modernas. Como fazer isso em um negócio pequeno? Talvez com compras menores, de poucas peças, mas garantindo novas mercadorias com bastante frequência, ou seja, você compra mais vezes só que em menor quantidade.

 

PARCERIAS SÓLIDAS

No grande varejo isso significa ter parcerias com poucos produtores, mas de forma mais estratégica e de longo prazo, garantindo melhores custos, entregas e qualidade de produto. Para pequenos comerciantes, a lógica é a mesma: apostar em bons fornecedores e relações mais profundas com eles.

 

Ficar por dentro do que é tendência no seu setor é lição de casa que não pode deixar de ser feita. Assim, você começa a se organizar para atender as demandas do mercado a longo prazo e consegue driblar qualquer balanço no mercado.

 

Seja uma revendedora Colmeia

Se você quer um negócio lucrativo para trabalhar no conforto do seu lar, então revender Moda Colmeia é uma excelente opção. A marca é a número 1 em moda jovem do Norte e Nordeste, com coleções atualizadas com as últimas tendências da moda e uma excelente aceitação pelo público feminino.

Para fazer parte do nosso time e se tornar uma de nossas revendedoras, você pode fazer seu cadastro pela internet e comprar todas as suas peças pelo nosso site. Isso é muito mais comodidade e tempo para você! Além disso, nas compras acima de R$1.000,00, você não paga o frete.

Confira nossa coleção e alcance sua independência financeira, basta clicar aqui!

Somos uma marca antenada com a moda com 24 anos de história pra contar. Nossa missão é oferecer aos nossos clientes o melhor do produto do mercado, mais fashion, com originalidade e variedade única.

Share:

Leave a reply

Que tal dar uma olhada em nossos últimos posts?

@modacolmeia

Siga-nos e fique por dentro de todas as novidades